18 de junho de 2018
  • :
  • :

Governador autoriza obras de macrodrenagem do Rio do Cobre

Governador autoriza obras de macrodrenagem do Rio do Cobre

A região do Subúrbio Ferroviário, em Salvador, passará por uma intervenção que vai mudar a realidade dos moradores do Dique do Cabrito. Nesta segunda-feira (11), o governador Rui Costa (PT) esteve no local e assinou a ordem de serviço para início das obras de macrodrenagem do Rio do Cobre. A intervenção receberá um investimento de R$ 30,7 milhões.

“Essa obra de macrodrenagem abrange toda essa bacia desde Pirajá, Marechal Rondon, chegando até o Subúrbio, enfim, várias localidades que são atingidas por alagamentos porque o canal está entupido ou houve construção nos canais. A partir desta obra, as pessoas vão morar num lugar decente, que não alague”, afirmou o governador.

A obra beneficia 6.277 moradores e terá duração de 18 meses. Também faz parte do projeto a urbanização de uma lagoa, que será utilizada para amenizar o impacto do período das cheias. Nesta mesma área será implantada uma ciclovia.

Segundo o diretor de Habitação da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder), Deusdete Fagundes, serão feitos 3.300 metros de canais para escoamento de água. “Essa intervenção trará mais eficiência para o sistema e evitará possíveis inundações que ocorrem com frequência nesta região, em especial no período de chuvas. Sendo assim, parte do desague do Dique do Cabrito será lançado na bacia do Rio do Cobre e outra parte na bacia do Rio Camurujipe”, explicou.

Morador do Dique do Cabrito, o pedreiro Luciano Silva ressalta que a atual situação do Rio do Cobre traz muitos transtornos para a população. “Aqui sempre aparecem cobras e ratos, que correm para dentro de nossas casas, além do fedor e a sujeira. A esperança é que essa obra melhore a nossa vida aqui”.

Além da macrodrenagem, Rui ainda autorizou a Embasa a realizar a ligação das redes de esgoto de diversas ruas da região. “Vamos identificar as ruas e alguns trechos que não tiveram ainda a rede assentada e faremos pequenas extensões para possibilitar que as casas sejam ligadas à rede de esgoto e evitar que os dejetos sejam lançados no canal de drenagem e, consequentemente, nos diques. Essa obra ocorre juntamente com o serviço de macrodrenagem que será realizado pela Conder”, destacou o presidente da Embasa, Rogério Cedraz.

Linha Azul – Após autorizar a macrodrenagem do Rio do Cobre, o governador visitou as obras de um dos túneis que compõem a Linha Azul, corredor de tráfego responsável pela ligação entre a orla atlântica e o Subúrbio Ferroviário. O túnel percorrido pelo governador possui 379 metros e liga o bairro do Lobato à Estação Pirajá. “A população chegará em cinco ou sete minutos do Subúrbio até a estação do metrô em Pirajá. Até o fim do ano, vamos entregar essa obra”, informou Rui.

Foto: Manu Dias/GOVBA




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *