16 de dezembro de 2018
  • :
  • :

Audiência pública debaterá Plano de Mobilidade de Salvador nesta quinta

Audiência pública debaterá Plano de Mobilidade de Salvador nesta quinta

O Estatuto dos Rodoviários é o tema da primeira audiência pública das oito que estão programadas para acontecer até o mês de agosto, dentro do processo de discussão do Plano de Mobilidade Urbana Sustentável de Salvador (Planmob).

Proposta pelo vereador Helio Ferreira (PCdoB), a atividade, que acontece nesta quinta-feira (14), às 15h, no Centro de Cultura da Câmara Municipal, vai discutir assuntos que envolvem o dia a dia dos trabalhadores do setor.
O objetivo do parlamentar, que é presidente da Comissão de Transporte, Trânsito e Serviços Municipais, é ampliar a participação popular nos debates. “Não podemos aprovar um plano sem ouvir a população e suas demandas. Precisamos ter o máximo de discussões dentro da sociedade porque é ela que vai conviver com a realidade da mobilidade em Salvador”, argumentou.

Formada por cerca de 13 mil motoristas e cobradores, a categoria rodoviária convive diariamente com diversos problemas. Entre eles, destaque para a violência, estresse causado por carga horária exaustiva, trânsito caótico, falta de sanitários nos terminais, altas temperaturas no interior dos veículos e regulamentação da gratificação para o trabalho durante as festas populares.
Helio também preside o Sindicato dos Rodoviários da Bahia.

De acordo com ele, estes problemas precisam ser tratados com quem de fato atua no setor e pode colaborar com melhorias. “Precisamos ouvir os técnicos, os engenheiros e os trabalhadores de transporte, que são os engenheiros da mobilidade sem diploma, mas que podem dar sua contribuição”, completou.

O Planmob será instrumento de orientação das políticas públicas do setor com diretrizes e ações para os próximos 32 anos, e é norteado pela Lei da Mobilidade Urbana, pela Política Nacional de Mobilidade Urbana (PNMU), pelo Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU-2016) e pelas Leis de Ordenamento, Uso e Ocupação do Solo (LOUOS-2016).




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *