19 de agosto de 2019
  • :
  • :

Odebrecht Realizações Imobiliárias reformula identidade e passa a se chamar OR

Odebrecht Realizações Imobiliárias reformula identidade e passa a se chamar OR

Empresa de construção de imóveis com mais de 80 projetos entregues em 10 anos de existência, uma das principais empresas do ramo no País, a Odebrecht Realizações Imobiliárias,passa a se chamar OR, reformula sua identidade e apresenta hoje, dia 22 de novembro, sua nova marca e posicionamento ao mercado.“Com esta mudança, esperamos atender a expectativa do mercado e valorizar o que a empresa tem de melhor, como sua experiência em engenharia de edificações, construindo uma nova história”, comenta Marco Siqueira, presidente da OR.

A escolha foi por um nome que mantivesse a familiaridade já criada com o mercado imobiliário, de forma transparente, que remetesse ao futuro, sem esquecer o passado.

Para 2018, a projeção da OR é lançar empreendimentos na faixa de R$ 600 milhões a R$ 800 milhões. Sua atuação se manterá na incorporação residencial, comercial e de loteamentos e na prestação de serviços de engenharia. A novidade no período será a intensificação da atuação no mercado corporativo, que deverá ser responsável por cerca de 25% da carteira de empreendimentos da empresa.

Neste ano, a empresa já entregou mais de 1.779 unidades, residenciais em sua maioria, totalizando cerca de 285 mil metros quadrados construídos e mais de R$ 1,862 MM de Valor Geral de Vendas (VGV), em empreendimentos como Praça São Paulo, Estação Gabriele, ambos em São Paulo. Será entregue ainda este ano o projeto Cidade Viva, em Santo André (SP), Vent, no Rio de Janeiro, e D’Azur, em Salvador.

“O mercado conhece a qualidade de entrega e acabamento dos nossos empreendimentos. A expectativa é evoluir, mas mantendo os atributos da empresa que já eram conhecidos pelos clientes”, comenta Siqueira.

Conformidade – Desde julho de 2016, a empresa vem reforçando as medidas do Sistema de Conformidade e Governança.Conforme Política de Conformidade definida pela holding do Grupo, todas os negócios estão se adequando de modo a ter no seu Conselho de Administração pelo menos 20% de membros independentes. Ainda em dezembro de 2017,será contratado o primeiro conselheiro independente da OR. A meta é ter até o final de 2018 os dois conselheiros independentes.

Na OR, o Chief Compliance Officer Flavio Serebrenic completou um ano de atuação e já coleciona ações relevantes na área, como a conclusão do treinamento para 100% dos integrantes da empresa e a implementação de processos para acompanhamento de vendas para clientes finais e para empresas, garantido a segurança em todas as operações.

A companhia está concentrada em retomar o crescimento sustentável de seus negócios, sempre com postura íntegra e ética.

Nova marca – Para a nova identidade visual foi criado algo simples e direto. Trata-se de um logotipo simples, facilmente entendido e memorizado em um setor pulverizado, com muitas marcas. Também é de fácil aplicação, tecnicamente bem resolvido para ser usado em todos pontos de contato, com anúncios, impressos, digital e no ambiente das obras. Além de emitir objetividade e segurança, transmitindo confiança e capacidade de entrega.

A marca é acompanhada de um elemento gráfico que tem como objetivo transmitir proteção e avanço. Esse elemento gráfico, inspirado nas volumetrias da arquitetura, remete à imagem de um cubo e, ao mesmo tempo, a uma seta apontando para o futuro.

Sobre a OR – Presente em todas as regiões do Brasil, com escritórios regionais em Salvador, Recife, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas e Brasília, a OR desenvolve projetos residenciais, empresariais, comerciais e de uso misto que atendem às necessidades e peculiaridades de cada localidade e de públicos distintos, sempre mantendo o padrão de excelência que caracteriza a empresa.

Atualmente, conta com 3.236 funcionários, entre diretos e terceirizados. A empresa, desde 2008, quando estreou operacionalmente, até os dias de hoje, já lançou um total de R$ 20,2 bilhões e vendeu R$ 15,9 bilhões. A OR é membro fundador do Green Building Council, organização que visa fomentar a indústria de construção sustentável no país, e possui empreendimentos com a certificação LEED. Também trabalha com outros selos verdes, como o Aqua, o Procel e o Selo Azul da Caixa.

Foto: Divulgação




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *