18 de setembro de 2019
  • :
  • :

Arimateia realiza audiência pública sobre situação do saneamento básico na Bahia

Arimateia realiza audiência pública sobre situação do saneamento básico na Bahia

Em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado nesta quarta-feira (dia 5), o presidente da Comissão do Meio Ambiente, Seca e Recursos Hídricos da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), deputado estadual José de Arimateia (PRB), realizou até o início da tarde de hoje uma Audiência Pública para discutir os cuidados com os mananciais e os planos municipais de saneamento, drenagem, fornecimento de água, esgotamento sanitário e tratamento de resíduos sólidos. O ato, que ocorreu na Sala Eliel Martins, situada no Parlamento Baiano, reuniu centenas de pessoas interessadas na pauta ambiental.

Atento ao debate social, o deputado José de Arimateia, que organizou durante essa semana diversas atividades acerca do meio ambiente, liderou a Audiência Pública e advertiu sobre o fato de mais de 70% das internações do Sistema Único de Saúde (SUS), sejam de origem de doenças que poderiam ser evitadas se existisse o investimento em saneamento básico. “O ideal seria a existência de uma verba específica para saneamento básico na Bahia e Brasil, porque lamentavelmente as autoridades sempre priorizam outros setores. Vale ressaltar que quando se investe um real em saneamento básico o gestor economiza quatro reais em Saúde Pública”, disse Arimateia, enfatizando que fará uma série de encaminhamentos na perspectiva de uma mudança significativa de cenário no setor.

Com o tom informativo, a engenheira sanitarista e ambiental, Carolina Rodeiro, ministrou uma palestra intitulada “Saneamento Básico – um Panorama do Acesso na Bahia”. No ensejo ela sublinhou acerca da importância do aterro sanitário no estado e discorreu sobre as pautas em defesa do saneamento para todos. “Precisamos defender o Saneamento Público, implantar a coleta seletiva e aterro sanitário, além de lutar pela educação ambiental. Outro ponto relevante é entender que o meio ambiente não é recurso, mas sim um patrimônio”, destacou.

O superintendente de Produção de Água e Esgotamento Sanitário da Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa), Júlio Mota, esclareceu que o órgão atende 366 dos 417 municípios da Bahia e garantiu que já foram investidos quase quatro bilhões de reais. Para ele, o saneamento básico é um assunto extremamente importante que deveria estar na pauta de toda Política Pública do Brasil. “Temos um Plano de Saneamento em 100 cidades baianas, realmente precisamos avançar muito mais”, disse.

Programação – Para marcar a Semana Nacional do Meio Ambiente, o republicano promoveu na Escola Municipal Comendador Jonathas Teles de Carvalho, em Feira de Santana, uma aula-palestra para crianças de sete a 12 anos sobre Educação Ambiental e Cidadania com a Educadora Ambiental Vera Schumann.

Já na terça-feira (04), também na “Princesa do Sertão, o parlamentar idealizou uma coleta seletiva de resíduos sólidos e distribuição de panfletos educativos com o apoio e participação da Força Jovem Universal (FJU) da localidade.

Nesta quinta-feira (06), o deputado José de Arimateia irá promover mais uma entrega de folders informativos sobre educação ambiental em Salvador e Feira de Santana, com o objetivo de gerar uma maior conscientização na comunidade baiana.

Foto: Cris Oliveira/Divulgação




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *