18 de junho de 2019
  • :
  • :

Leonardo vai retornar ao PSG com a missão de “segurar” Neymar, diz jornal francês

Leonardo vai retornar ao PSG com a missão de “segurar” Neymar, diz jornal francês

O ex-jogador Leonardo retorna ao cargo de dirigente do PSG após a saída traumática em 2013 – tendo agredido um árbitro e encarado uma suspensão de um ano. O acerto foi noticiado pelo jornal francês Le Parisien e confirmado pelo site UOL Esporte com o estafe de jogadores brasileiros da equipe.

Na visão do grupo de brasileiros do time, Leonardo terá como principal missão de controlar Neymar e impedir que a onda de especulação em torno de transferência para o Barcelona aumente. O dirigente chega com “carta branca”, já trabalhando na montagem do elenco com nomes de sua preferência.

Por enquanto, Leonardo ainda atua de forma discreta nos bastidores do PSG. A contratação tende a ser efetivada em breve e, enquanto isso, o dirigente não quer entrevistas e nem mesmo ter o nome associado em conversas com empresários feitas pelo clube.

O encontro pessoal com Neymar só deve acontecer no retorno do jogador à Paris no início de julho. O PSG acompanha o camisa 10 à distância no caso envolvendo a acusação de estupro e já se posicionou de forma taxativa ao mercado, sem o interesse em negociá-lo.

Com Leonardo, o PSG amplia a grande equipe brasileira nos bastidores do clube desde a chegada de Neymar. Outro ex-jogador brasileiro, Maxwell, ocupa o cargo de diretor esportivo. O fisioterapeuta, Bruno Mazziotti, é chefe do departamento médico. Neste segmento, ainda estão presentes o preparador físico Ricardo Rosa e o fisioterapeuta Rafael Martini.

Leonardo retorna ao PSG após ser demitido pelo Milan ao final da temporada passada. O clube italiano esperava a conquista da vaga para a Liga dos Campeões para seguir confiando no projeto do brasileiro.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *