11 de dezembro de 2019
  • :
  • :

Igreja do Passo volta a festejar o Santíssimo Sacramento e Sagrado Coração de Jesus

Igreja do Passo volta a festejar o Santíssimo Sacramento e Sagrado Coração de Jesus

Após 20 anos suspensa, a festa em comemoração ao Santíssimo Sacramento e ao Sagrado Coração de Jesus da Igreja Santíssimo Sacramento da Rua do Passo, em Salvador, volta a ser realizada. As celebrações ocorrem de 18 a 27 de julho.

A suspensão aconteceu durante o tempo que a igreja ficou fechada. Neste ano, a arquidiocese escolheu “Batizados e Enviados: A Igreja de Jesus em missão” como tema central da festa religiosa.

A programação dos nove dias envolve missas e procissão para marcar a data do festejo. A primeira missa vai ser celebrada no dia 18 de julho e presidida por Dom Marco Eugênio Galrão.

No dia seguinte, padre Rogério Marcos da Silva vai ser responsável pela missa. Dom Estevam dos Santos Silva Filho fará celebração do dia 20 de julho.

Já entre 21 e 26, as missas vão ser presidias, respectivamente, por: padre Hermano Conceição de Jesus, padre Carlos Augusto da Cruz Silva, Dom Hélio Pereira dos Santos, padre Adilton Pinto Lopes, Dom Murilo Krieger e padre Damião Pereira da Silva. As celebrações ocorrem sempre as 17h.

No dia 27 de julho, dia do festejo, os fiéis vão participar de uma procissão, que vai sair da Igreja Matriz da Paróquia Santo Antônio Além do Carmo com destino para a Igreja do Passo, a partir das 15h.

Em seguida, por volta das 17h terá início a Missa Solene, presidida pelo diretor espiritual do Apostolado, padre Valson Santos Sandes.

Durante todos os dias do novenário, e também no dia festivo, os fiéis vão poder realizar doações de alimentos não perecíveis e materiais de higiene.

Igreja do Passo – A Igreja do Santíssimo Sacramento da Rua do Passo – conhecida como Igreja do Passo -, um dos importantes símbolos religiosos e culturais de Salvador, foi reaberta após restauração e reformas estruturais, em fevereiro de 2018, após 20 anos fechada.

Entre os trabalhos minuciosos, os azulejos das torres foram pintados a mão e vieram de Portugal. Os altares, as imagens dos santos e os quadros simbolizando passagens bíblicas foram restaurados.

A parte mais difícil foi reconstituir a coroa sobre o altar-mor, onde fica a imagem de Jesus Cristo na cruz. Em 2006, a estrutura desabou e se partiu em vários pedaços. Agora, está do mesmo jeito da original, construída há 280 anos. Para sustentar os 800kg da coroa, seis cabços de aço foram instalados

Os serviços envolveram ainda estabilização e consolidação estrutural do prédio, restauração de bens integrados e imagens sacras, e implantação de itens de acessibilidade como elevador, rampas e plataforma para cadeirantes.

De acordo com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), as obras começaram em outubro de 2014, com investimentos de mais de R$ 11,3 milhões do Governo Federal, pelo programa Avançar.

Tombada em 1938, a Igreja do Passo foi construída em 1736 com estrutura em alvenaria de pedra e tijolos e interior neoclássico.

A escadaria com 55 degraus que projetou a imagem do templo para o mundo, por ter servido como cenário de “O Pagador de Promessas”, único filme brasileiro a ganhar a Palma de Ouro no Festival de Cannes, na França, em 1962.

A escadaria também foi palco de projeto musical realizado pelo cantor Gerônimo, autor de sucessos como “É D’Oxum”.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *