22 de novembro de 2019
  • :
  • :

Flautista baiano conquista prêmio em competição na Polônia

Flautista baiano conquista prêmio em competição na Polônia

O flautista baiano Jonadabe Batista, 19 anos, foi premiado na 5ª Competição Internacional de Flauta na cidade de Jastrzebie-Zdrój, na Polônia. Integrante da Orquestra NEOJIBA desde 2012, Jonadabe foi o primeiro brasileiro a participar e ficar entre os primeiros colocados na competição.

Ele arrematou o segundo lugar, numa disputa com mais 12 flautistas, todos europeus. “Ganhar o segundo lugar nesse concurso, com um júri formado por músicos de renome internacional, me encoraja e me dá cada vez mais certeza de que o caminho musical que estou a traçar é o bom caminho”, disse o flautista.

Desde o ano passado, ele estuda na Haute École de Musique de Genebra, na Suíça. “O NEOJIBA é um programa que cria, desenvolve e cumpre sonhos”, afirmou Batista. Ele nasceu em Salvador e entrou no NEOJIBA em 2012, com 12 anos de idade, para tocar clarinete na OPE, Orquestra Pedagógica Experimental – formação de orquestra do NEOJIBA voltada para alunos iniciantes.

Foi no NEOJIBA que ele passou a estudar música clássica e a ter contato como todos os instrumentos de uma orquestra. Foi a curiosidade pelo instrumento e vendo uma oportunidade de se diferenciar que ele decidiu arriscar uma mudança. “A troca de instrumento foi engraçada. Na época, a OPE ainda não tinha flautista. Eu tinha uma flauta guardada em casa, arrisquei fazer a audição para trocar de instrumento e deu certo”, conta o flautista.

As mudanças foram rápidas a partir daí: em 2013, Jonadabe Batista já estava como flautista no NEOJIBA e mudou de orquestra, saiu da OPE para a OCA (Orquestra Castro Alves). Em 2015, passou para a principal formação orquestral do NEOJIBA, a Orquestra Juvenil da Bahia, onde ficou até o ano de 2018, sendo chefe de naipe nos anos de 2017 e 2018. E aí mais uma mudança, no segundo semestre de 2018, ele se passa a morar em Genebra,na Suíça, onde está atualmente cursando o segundo ano do bacharelado na Haute École de Musique de Genebra.

Foto: Divulgação




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *