13 de dezembro de 2019
  • :
  • :

Galpões da Codeba serão transformados em área de lazer e gastronomia

Galpões da Codeba serão transformados em área de lazer e gastronomia

Os galpões 3 e 4 da Codeba, no Porto de Salvador, serão transformados em um espaço de convivência, com restaurantes e área de lazer, conforme anunciou o vice-prefeito Bruno Reis, durante palestra na Associação Comercial da Bahia (ACB), na quinta-feira (28).

De acordo com Bruno Reis, a ideia é transformar o local em um equipamento semelhante ao Mercado da Ribeira, em Lisboa, promovendo um equilíbrio no uso do porto da capital baiana, com vocação para cargas e turismo.

“Nós tínhamos R$ 12 milhões em contrapartida do Terminal de Contêineres do Porto de Salvador (Tecon), pela duplicação do equipamento. Pegamos esses recursos para fazer o projeto executivo. O arquiteto Sidney Quintela já o está desenvolvendo para os dois galpões. E o Tecon vai executar a obra”, informou.

O início das intervenções está previsto para março de 2020. O modelo de gestão do equipamento, segundo Bruno Reis, será semelhante ao do Centro de Convenções, que está em fase de conclusão na orla da Boca do Rio. “A Prefeitura investiu, executou a obra e fez uma concessão. E o privado equipou e vai operar”, disse.

Bruno Reis ainda falou que a Prefeitura vai requalificar os terminais da Barroquinha e do Aquidabã. Com projeto aprovado na quarta-feira, o Mercado Modelo também será revitalizado, disse o vice-prefeito, com investimento da ordem de R$ 18 milhões. “Já comecei a atualização do orçamento. Quero colocar a licitação na rua na próxima semana”, assinalou.

Bruno Reis anunciou outras intervenções importantes para estimular a economia e revitalizar o Centro Histórico, a exemplo da implantação do Polo de Economia Criativa. “Vai ficar nas docas, no primeiro galpão do lado do Terminal Marítimo. No início de dezembro, a gente inicia essa obra”.

O vice-prefeito também revelou que está trabalhando para instalar uma unidade da Caixa Cultural no Pelourinho. “Estamos em negociações avançadas com o prédio da Coelba, na Praça da Sé, para implantar o equipamento, que terá atividades culturais, que vão desde apresentações teatrais a shows e exposições”, pontuou.

O Elevador Lacerda, segundo Bruno Reis, será requalificado, em parceria com a Ferreira Costa. “Vamos revitalizar o Centro Histórico, com investimentos de mais de R$ 300 milhões, em quase 40 iniciativas, como a transferência de 80% de todos os órgãos municipais para o Comércio, além de diversas intervenções”, frisou.

Foto: Betto Jr./SECOM-PMS




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *