26 de fevereiro de 2020
  • :
  • :

GP da China de Fórmula 1 é adiado por causa do coronavírus

GP da China de Fórmula 1 é adiado por causa do coronavírus

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) informou por meio de nota, nesta quarta-feira (12), que o GP da China de Fórmula 1, marcado para 19 de abril deste ano, será foi adiado. O motivo da não realização se dá por causa da epidemia do novo coronavírus no país asiático.

“O GP da China em 2020 foi adiado devido ao novo surto de coronavírus. Tendo em vista a contínua disseminação do coronavírus e após discussões com a Federação Chinesa de Automóveis e Motocicletas (CAMF), a Administração de Esportes de Xangai e a Juss Sports Group, promotora do Grand Prix, solicitou oficialmente o adiamento da prova. A FIA, junto com a F1, decidiu aceitar o pedido”, afirma a nota da FIA, publicada nas redes sociais da entidade.

O diretor esportivo da categoria, Ross Brawn, havia descartado a possibilidade de alocar outro país na data da etapa chinesa, em Xangai, assim como a troca por alguma outra prova do calendário. Por isso, com o intuito de preservar todos os envolvidos, a decisão foi de suspender a corrida até que o problema seja resolvido, ou seja, ainda sem uma data definida.

Uma das possibilidades quanto a remarcação da disputa seria após o GP de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, dia 29 de novembro. No entanto, a ideia aparenta não ser bem-vista por parte dos pilotos, uma vez que estes acabariam tendo que prorrogar o fim da temporada de Formula 1 por, pelo menos, mais uma semana.

Outras sugestões, mas menos cogitadas, seria após o GP da Hungria, dia 9 de agosto, o que reduziria as férias dos pilotos no meio do ano, de três para duas semanas. Por fim, a última possibilidade seria entre os fins de semana do GP do Brasil e GP de Abu Dhabi, resultando em três fins de semana seguidos de corrida.

A última vez em que uma corrida de Fórmula 1 foi adiada por motivos externos foi há quase 10 anos. Na ocasião, o GP do Bahrein de 2011 foi cancelado em decorrência dos protestos políticos que o país vinha enfrentando.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *