4 de dezembro de 2021
  • :
  • :

Flipelô 2021 vai acontecer de 17 a 21 de novembro com formato híbrido

Flipelô 2021 vai acontecer de 17 a 21 de novembro com formato híbrido

A Festa Literária Internacional do Pelourinho (Flipelô) já tem data marcada: acontece de 17 a 21 de novembro, em Salvador, homenageando Graciliano Ramos, escritor e amigo de Jorge Amado. A edição será híbrida e gratuita, com programação virtual e presencial, para pessoas de todas as idades.

A Festa tem objetivo de beneficiar diretamente à comunidade do Pelourinho contribuindo para o fomento do comércio local, o turismo e as atividades produtivas de todo o sítio histórico, além de movimentar e promover o mundo da literatura.

Para garantir a segurança de todos que participarem da festa literária os realizadores do evento se encontrarão nesta terça-feira (19), às 9h, no Casarão 17, no Terreiro de Jesus, com representantes das diversas secretarias municipais que possam atuar diretamente na Festa. O objetivo é apresentar a Flipelô, explicar o formato e solicitar o apoio de cada uma das secretarias, especialmente quanto aos protocolos sanitários e de logística de recepção de público.

Todos os eventos que acontecerem em espaços culturais públicos ou privados terão o acesso condicionado ao passaporte de vacina, com comprovação das duas doses. Será exigido o uso de máscaras e a temperatura será aferida. Um apoio está programado para possibilitar acessibilidade a portadores de deficiências. A maior parte dos eventos terá áudio-descrição e tradução de libras.

Programação – A Flipelô terá mesas de debates presenciais, que contarão com a transmissão em tempo real no canal e redes socais do evento, com escritores internacionais do Equador, México, Porto Rico, Angola, São Tomé e Príncipe e Moçambique, com escritores que representam as diversas regiões do país e uma presença importante de escritores vindos do interior da Bahia.

Na Arena do Teatro Sesc-Senac Pelourinho será instalado um painel de LED que funcionará como uma central de transmissão, onde o público poderá assistir o que está sendo exibido no canal da Flipelô em tempo real.

Espetáculos e contações de histórias serão exibidos no canal do Youtube da Festa, que também terá programação infantil com oficinas e ações formativas.

Recitais de poesia, lançamentos de livros, espaço das Editoras Baianas, a presença da livraria oficial do evento – a LDM, Praça do Cordel e uma programação especial para comemorar o Dia da Consciência Negra.

Gastronomia – Como saco vazio não fica em pé, a festa terá a área Gastronômica Amados Sabores, da qual participam restaurantes e bares do Centro Histórico, criando pratos exclusivos inspirados pelo tema “Amado Sertão – Comida Sertaneja da Bahia”, com inspiração no livro “A Cozinha Sertaneja da Bahia de Guilherme Radel”.

A festa também conta com a Rota das Artes, com exposição de obras de arte de artistas visuais que atuam no Centro Histórico, vivem e têm ateliês no local.

Além disso, a Flipelô+, que reúne instituições e empresas sediadas no Centro Histórico, desenvolverá suas próprias programações. Feira da Sé, na Praça da Sé, com produtos artesanais produzidos na Bahia. A adesão de 43 lojas situadas no Pelourinho, oferecendo descontos e produtos especiais. Espetáculos teatrais, atrações musicais e apresentação de grupos de capoeira e de percussão.

Monitores de Turismo e guias de turismo filiados a AGEMTUR – associação dos guias turísticos da Bahia estarão orientando o público. Para o transporte, haverá ativação, na Estação de Metrô do Campo da Pólvora, da ação “Vá de Metrô para a FLIPELÔ – disponibilizando vans que farão o traslado gratuito da estação até o Taboão e estacionamentos na região que terão tarifa única de R$ 15,00.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *