3 de julho de 2022
  • :
  • :

Secis promove turismo ecológico no Parque São Bartolomeu e Pirajá neste domingo

Secis promove turismo ecológico no Parque São Bartolomeu e Pirajá neste domingo

Uma trilha ecológica para explorar as belezas naturais do Parque São Bartolomeu e de Pirajá acontecerá neste domingo (5), das 9h às 13h. O passeio turístico faz parte da Semana do Meio Ambiente, promovido pela Secretaria de Sustentabilidade e Resiliência (Secis). A atividade tem como parceiros os grupos Trilha das Flores, Colaborativa Startup, Rede Brasileira de Trilhas de Longo Curso, Climate Reality Project Brazil e Um Dia no Parque.

A atividade é gratuita ao público em geral, porém, algumas atrações possuem uma tarifa social, como rapel e tirolesa, massagem terapêutica, yoga, zumba e outros. A trilha terá início no Centro de Referência e Assistência Social (Cras) São Bartolomeu, com acesso pela Avenida Afrânio Peixoto, na Suburbana, onde alguns voluntários orientam sobre o passeio. Com pouco mais de dois quilômetros, o trajeto é finalizado na Barragem do Cobre, local que, no passado, era responsável por distribuir água para os bairros do subúrbio de Salvador.

No caminho, o visitante pode conferir uma das vistas mais bonitas do passeio, que é a queda d’água do Rio do Cobre, onde os mais corajosos arriscam uma descida de rapel. Ao final, o participante é contemplado com a visão do rio, que se estende até a Lagoa da Paixão, entre Fazenda Coutos e Nova Brasília de Valéria.

Considerado uma das maiores reservas de Mata Atlântica em área urbana do Brasil, o parque São Bartolomeu integra a Área de Proteção Ambiental (APA) Bacia do Cobre e é tem características urbanas e rurais. Historicamente, a localidade é considerada sagrada para as religiões de matriz africana. Por causa da memória ancestral, os principais pontos foram batizados com nomes de orixás: praça e cachoeira de Oxum, cachoeira de Oxumaré, escada dos Escravos e a cascata de Nanã.

A titular da pasta, Marcelle Moraes, destaca que será uma oportunidade para os soteropolitanos se conectarem com as áreas vivas e verdes da cidade. “É importante aguçarmos o senso ambiental e crítico em relação esse assunto. Isso só é possível vivendo esse mundo, entendendo que todo o verde tem um valor e significado, para isso é preciso preservar”.

Atividades:

– *Rapel e tirolesa:* O grupo Favela Vertical é responsável pela atividade de Rapel e Tirolesa. Atividade com Tarifa Social de R$10.

– *Massagem terapêutica:* Taís Massoterapia, microempreendedora responsável pelas massagens terapêuticas. Atividade com Tarifa Social de R$10.

– *Yoga:* O grupo Perifayoga é responsável pela atividade. Atividade gratuita.

– *Zumba:* Atividade gratuita.

– *Práticas de Educação Ambiental:* A Trilha das Flores é responsável pela condução da Trilha Ambiental do Parque São Bartolomeu e Parque Pirajá.

– *Feirinha Agroflorestal:* Iniciativa popular da Trilha das Flores.

Foto: Jefferson Peixoto/Secom-PMS




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *