15 de agosto de 2022
  • :
  • :

Biden diz que ataque dos EUA no Afeganistão matou líder da Al Qaeda

Biden diz que ataque dos EUA no Afeganistão matou líder da Al Qaeda

O líder da Al Qaeda, Ayman al-Zawahiri, foi morto em um ataque dos Estados Unidos no Afeganistão no fim de semana, disse o presidente norte-americano, Joe Biden, nesta segunda-feira (1º), no maior golpe para o grupo militante desde que seu fundador, Osama bin Laden, foi morto em 2011.

Zawahiri, um cirurgião egípcio que tinha uma recompensa de US$ 25 milhões por sua cabeça, ajudou a coordenar os ataques de 11 de setembro de 2001 que mataram quase 3 mil pessoas nos EUA.

Autoridades norte-americanas, falando sob condição de anonimato, afirmaram que os EUA realizaram um ataque de drone em Cabul, a capital afegã, às 6h18 no horário local.

“Agora a justiça foi feita e esse líder terrorista não existe mais”, disse Biden em declaração na Casa Branca. “Nós nunca recuamos.”

A inteligência dos EUA determinou com “alta confiança” que o homem morto era Zawahiri, disse um alto funcionário do governo a repórteres. Nenhuma outra vítima ocorreu.

“Zawahiri continuava a representar uma ameaça ativa às pessoas, aos interesses e à segurança nacional dos EUA”, disse o funcionário em uma teleconferência. “Sua morte é um golpe significativo para a Al Qaeda e degradará a capacidade de operação do grupo.”

Fonte: Agência Brasil




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *