17 de agosto de 2018
  • :
  • :

Seis creches e pré-escolas serão construídas em Camaçari

Seis creches e pré-escolas serão construídas em Camaçari

Ainda neste semestre, devem começar as obras de seis creches e pré-escolas em Camaçari, unidades que vão contemplar 1.128 crianças em turno integral na educação infantil. Para isso, serão investidos R$16.887.026,90, sendo que R$ 13.891.979,16 de verba já liberada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e R$ 2.995.047,74 de recursos próprios.

A previsão é que as construções das seis unidades comecem em setembro e durem cerca de oito meses. Os terrenos onde serão as unidades são de 2.800 m² e terá 1.317,99 m² de área construída, nas localidades de Catu de Abrantes, Lama Preta, Verdes Horizontes, Nascente do Rio Capivara, Industrial e Novo Horizonte.

A estrutura física de todas as unidades segue o mesmo padrão. As escolas de Ensino Infantil do Tipo 1 são térreas e possuem dois blocos, A e B, que são interligados por circulação coberta, que é um espaço de integração entre as diversas atividades e diversas faixas etária. A área externa conta com playground não coberto, destinado à instalação dos brinquedos infantis, jardins, o castelo d’água e a área de estacionamento.

O bloco A é composto por: hall; secretaria; sala de professores/reuniões; direção; almoxarifado; sanitários acessíveis adultos: masculino e feminino; lactário, com área de higienização pessoal, área de preparo de alimentos (mamadeiras e sopas) e lavagem de utensílios e bancada de entrega de alimentos prontos; duas salas de atividades (Creche I) para crianças de 0 a 11 meses; dois fraldários/depósitos; amamentação; solário; telefonia, elétrica; sanitário P.N.E. infantil; copa funcionários; lavanderia; rouparia com balcão de entrega de roupas limpas; depósito de material de limpeza; vestiário masculino; vestiário feminino; refeitório; cozinha; despensa; varanda de serviço, com área de recepção e pré-lavagem de hortaliças; pátio de serviço, com secagem de roupas (varal), central GLP e depósito de lixo orgânico e reciclável.

Já o Bloco B possui: duas salas de atividades (Creche II) para crianças de 1 ano a 1 ano e 11 meses; dois sanitários infantis; duas salas de atividades (Creche III) para crianças de 2 anos a 3 anos e 11 meses; sanitário P.N.E. infantil; dois solários; sala multiuso; quatro salas da pré-escola para crianças de 4 a 5 anos e 11 meses; dois sanitários infantis, feminino e masculino; dois sanitários de professores, feminino e masculino; dois solários; e depósito.

As novas creches atendem às metas do Plano Municipal de Educação (PME) e do Plano Plurianual (PPA), que prevê a ampliação de vagas na educação infantil, que são para crianças de 12 meses a 5 anos e 11 meses. Os recursos disponibilizados pelo governo federal são para a construção das unidades educacionais e a prefeitura entra com o terreno e o preparo do mesmo.

Para a secretária de Educação, Neurilene Martins, “a construção surge como uma ação estratégica, já que a realidade no município é precária porque o atendimento da infância é apenas de 12,6%, de modo que nessa gestão a questão da oferta é de alta prioridade. Além da decisão de que o atendimento seja em tempo integral”. Ela ainda lembra que o trabalho continua para que mais creches e pré-escolas sejam implantadas no município. Mais duas já estão com toda documentação no FNDE aguardando a liberação.

Foto: Reprodução




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *