16 de janeiro de 2021
  • :
  • :

Trabalhadores da Ford farão assembleia em Camaçari

Trabalhadores da Ford farão assembleia em Camaçari

Após o anúncio do fechamento das fábricas da Ford no Brasil, incluindo a de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, os trabalhadores da empresa convocaram uma assembleia extraordinária para esta terça-feira (12). O encontro será realizado a partir das 5h30, na frente da fábrica de Camaçari.

A convocação, feita pelo presidente do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Camaçari, Júlio Bonfim, deve reunir trabalhadores de todos os turnos e também das empresas de autopeças fora do complexo Ford. De acordo com Júlio, após a assembleia na frente da fábrica, os trabalhadores vão marchar para o centro de Camaçari.

Em vídeo divulgado em seu perfil nas redes sociais, Júlio Gomes, disse estar surpreso com a decisão, que chamou de inusitada. “Fui convocado de emergência pelo presidente da (Ford) América do Sul, Lyle (Watters) e também da diretora de RH da América do Sul, Fernanda, para uma reunião, onde também estavam o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté, e diretores do sindicato. Fomos pegos de surpresa. Estamos convocando todos os trabalhadores amanhã (terça), às 5h30”.

De acordo com Júlio, a Ford já anunciou a suspensão de trabalho para esta terça e quarta, 13. “Não vai ter ônibus, mas temos que fazer um ato amanhã, no horário da entrada do primeiro turno. Todos trabalhadores dos dois turnos. Vamos fazer carona solidária, de bicicleta. Convoco, inclusive, o prefeito de Camaçari (Elinaldo Araújo) e o governador (Rui Costa) para se juntarem a nós. Essa é uma luta pelo emprego de todos os trabalhadores. É um momento gravíssimo para nossa economia, especialmente para a Região Metropolitana de Salvador. São 8 mil trabalhadores diretos e com as empresas de auto-peças chegamos a 12 mil trabalhadores na Bahia”, disse Júlio.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *