13 de junho de 2024
  • :
  • :

Trade baiano se reúne com ministro e reivindica redução no valor das passagens aéreas

Trade baiano se reúne com ministro e reivindica redução no valor das passagens aéreas

A convite da Câmara Empresarial do Turismo da Fecomercio-BA (CET), o ministro de Turismo, Celso Sabino, esteve em Salvador, na última quarta-feira, 16, para debater pautas ligadas ao setor. O encontro, liderado pelo coordenador da CET, o empresário Glicério Lemos, contou com a participação do presidente da Fecomércio-BA, Kelsor Fernandes.

Lemos reivindicou a ampliação da malha aérea para Salvador e principais polos turísticos do Estado, com destaque para Porto Seguro, Ilhéus, Lençóis, Barreiras e Vitoria da Conquista. Ressaltou a necessidade de um número maior de frequência aérea, além de tarifas mais acessíveis, considerado um dos principais entraves para o aumento no número de turistas no Estado. “A Bahia, em especial Salvador, tem experimentado um crescimento no número de visitantes, mas este volume sem dúvida seria maior se tivéssemos preços aéreos mais competitivos com relação a outros destinos turísticos do país”, assinala.

Na pauta também constou a defesa de uma taxa de juros mais baixa nos programas de financiamento governamental, que possibilite uma recuperação mais rápida do setor, um dos primeiros a entrar em crise com a pandemia do Covid e que ainda enfrenta dificuldades para se erguer. Lemos mencionou em especial a situação dos agentes e operadores de turismo, hotéis, restaurantes e bares. “Reivindicamos ao ministro a volta do Fungetur (Fundo Geral de Apoio ao Turismo) para financiamentos de capital de giro e investimento, visando melhorar a infraestrutura turística do Estado, assim como a alocação de mais verba para divulgação da Bahia no mercado nacional e internacional”, frisou Lemos.

Na próxima quarta-feira (22), o coordenador da CET estará em Brasília para participar, junto com o ministro do Turismo, de uma reunião com as companhias aéreas com voos para a Bahia.

Foto: Divulgação




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *