23 de setembro de 2019
  • :
  • :

Igreja do Rosário dos Pretos valoriza cultura negra e amplia roteiro turístico em Salvador

Igreja do Rosário dos Pretos valoriza cultura negra e amplia roteiro turístico em Salvador

A valorização da cultura negra em celebrações singulares realizadas na Igreja de Nossa Senhora dos Homens Pretos, no Centro Histórico de Salvador, atrai gente de Salvador, claro, mas de outros estados e países também. Realizada todas as terças-feiras, às 18h, a missa em louvor de Santo Antônio de Categeró tem como principal característica a liturgia que une a tradição católica às influências da religiosidade africana, como danças ao som de cânticos ritmados pelo toque de atabaques e agogôs.

Além do ritual peculiar e culto a santos negros como São Benedito e Santa Ifigênia, a igreja, construída pelos membros da Irmandade do Rosário dos Homens Pretos, no século XVIII, chama a atenção pela sua beleza artística e arquitetônica, que mescla os estilos barroco, rococó e neoclássico.

A riqueza da celebração atraiu o turista Rui Afonso, que participou da missa na noite desta terça-feira (16), acompanhado por sua família. “Já estive em Salvador várias vezes, mas agora interessado em conhecer mais sobre a religiosidade baiana. Estive em terreiros e, para completar a viagem, vim aqui conhecer a missa”, explicou o paulista. Lotado, o templo católico reuniu baianos e turistas cariocas, paranaenses e cearenses, dentre outros.

Também presente, o secretário do Turismo da Bahia, Fausto Franco, destacou a importância das construções religiosas do Centro Histórico de Salvador. “São importantes atrativos que ajudam a contar a história da Bahia e do Brasil”, disse Franco, sugerindo ao padre Jonathan de Jesus que os sinos da igreja sejam tocados regularmente, para atrair a atenção dos visitantes.

Durante o encontro com o secretário, o capelão, o prior Adonai Ribeiro e integrantes da comunidade falaram sobre a importância da realização em Salvador do II Encontro das Irmandades Negras Católicas, que acontecerá entre os dias 24 e 27 de outubro, com participação de mais de 500 religiosos de todo o país. Especialmente na Bahia, esses grupos mantiveram-se como instrumentos de preservação da cultura africana e de ascensão dos negros.

Programação – A Igreja de Nossa Senhora dos Homens Pretos está localizada no Largo do Pelourinho, no Centro Histórico de Salvador, e fica aberta para visitação diariamente, das 8h às 17h. Missas regulares são realizadas aos domingos (10h), segundas-feiras (9h) e terças-feiras (18h). Há ainda celebrações a Santa Bárbara, na última quarta-feira do mês (18h). Já na primeira quinta-feira, o culto é dedicado a São Benedito (17h) e na primeira sexta-feira de cada mês, ao Sagrado Coração de Jesus (18h).

Foto: Tatiana Azeviche/Ascom Setur-BA




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *