18 de junho de 2024
  • :
  • :

Representante da Hemoba afirma, na Tribuna Popular da Câmara de Salvador, que uma doação de sangue salva quatro vidas

Representante da Hemoba afirma, na Tribuna Popular da Câmara de Salvador, que uma doação de sangue salva quatro vidas

Convidada pelo presidente da Casa, Carlos Muniz (PSDB), a coordenadora de Captação de Doadores da Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba), Margareth Mascarenhas, visitou a Câmara Municipal de Salvador hoje (19) durante a sessão ordinária, realizada no Plenário Cosme de Farias.

Ela pontuou na Tribuna Popular, realizada nas sessões às segundas-feiras, que no mês de junho há uma carência de doadores na Fundação Hemoba. “Junho é um mês atípico, com as festas de Santo Antônio e de São João. Mas precisamos lembrar da importância do gesto social de doar sangue. Afinal, uma doação salva quatro vidas”, disse.

No último dia 15, Carlos Muniz visitou a Hemoba e fez uma doação de sangue. Além do presidente, servidores da Câmara participaram da campanha de doação. A coleta de sangue ocorreu no prédio da Hemoba, na Ladeira do Hospital Geral, em Brotas.

“Junho é um mês no qual precisamos do aumento das doações de sangue. E fazer este ato é uma prática humana e social”, pontuou Muniz na sessão ordinária de hoje.

Ele também tem promovido uma campanha pela doação de sangue nas redes sociais. Em um dos posts publicados no seu perfil do Instagram (@carlosmuniz.oficial), ele afirma que “por ter um consumo diário e contínuo, o sangue é utilizado em diversas situações: em anemias crônicas, cirurgias de urgência, acidentes que causam hemorragias, complicações da dengue, febre amarela, tratamento de câncer e outras doenças graves”.

Foto: Valdemiro Lopes/CMS




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *